CAMINHANDO NO DESERTO

28/07/2011 20:08

            “Quando o Faraó deixou sair o povo, Deus não o guiou pela rota da terra dos filisteus, que era o caminho mais curto, pois disse: Se eles se defrontarem com a guerra, talvez se arrependam e voltem para o Egito.”(Ex 13:17) Às vezes vagamos errantes pelo deserto, desejando urgentemente sair desse lugar ermo e seco e entrar na terra prometida de nossos problemas resolvidos.

            Cansados de problemas físicos, financeiros ou relacionais, indagamos por que Deus não toma o caminho mais curto e muda tudo em um segundo. Onde está Ele quando a calamidade vem sobre nós? “O Senhor ia adiante deles, de dia numa coluna de nuvem para os guiar pelo caminho, e de noite numa coluna de fogo para os iluminar, para que caminhassem de dia e de noite. Nunca tirou de diante do povo a coluna de nuvem, de dia, nem a coluna de fogo, de noite”.(Ex 13:21-22)

            À medida que andamos, vemos Ele a nosso lado, nos guiando, protegendo e iluminando o caminho para a terra prometida! Ele está agindo, nesse momento, embora não possamos ver. Tal como com Israel no deserto, ao longo do caminho, o Senhor é o nosso Provedor, que nos alimenta. “Quando o orvalho secou, flocos finos semelhantes a geada estavam sobre a superfície do deserto. Quando viram aquilo, começaram a perguntar uns aos outros: Que é isso?, pois não sabiam do que se tratava. Disse-lhes Moisés: Este é o pão que o Senhor lhes deu para comer.”(Ex 16:14-15)

            Em tempos de peregrinação no deserto, vemos quão perfeito provedor Ele é. Mesmo em meio a sofrimentos tais, que, se Deus não estivesse conosco, certamente não sobreviveríamos, Ele está ao nosso lado. Nos fortalece e provê tudo que necessitamos, sem que nada nos falte. Ele cuida dos Seus. “Era jovem e agora sou velho, mas nunca vi o justo abandonado, nem seus filhos a mendigar o pão.”(Sl 37:25) Se enfrentamos enfermidades, descobrimos que Ele nos cura. “Ele foi transpassado por causa das nossas transgressões, esmagado por nossas iniqüidades; o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados.” (Is 53:5)

            Em nossos desertos, dias e noites de sofrimento, por vezes angustiantes, Ele se revela nosso melhor amigo, o amado de nossas almas. “Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque vos revelei tudo quanto ouvi de meu Pai.”(Jo 15:15) “Bendito seja o Senhor, porque ele mostrou o seu amor maravilhoso para mim quando eu estava em uma cidade sitiada.”(Sl 31:21)

            O Senhor caminha conosco no deserto. Espera que peçamos sua ajuda, para que possa nos responder, consolar e renovar a esperança em nossos corações todos os dias. Ele está agindo do outro lado da montanha intransponível de nossos problemas. Então, quando tudo estiver pronto, subitamente vamos entrar na terra prometida! “A promessa é para você e seus filhos e para todos os que estão longe, para todos a quem o Senhor nosso Deus chamar.” (At 2:39)

            Graça e paz, confiantemente, caminhando no deserto com Ele!

            Aurélia Cabral Cezar


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!