Meus ouvidos já tinham ouvido falar de ti, mas agora meus olhos te viram. (Jó 42:5)

23/06/2011 21:22

    Sabemos muito sobre Deus, seu conforto, força e promessas. Ouvimos sobre Seu cuidado, graça e misericórdia. Mas é na provação que aprendemos a conhecê-lo. Depois de sofrimentos tão grandes que deixariam qualquer um em profundo desespero, Jó pode dizer que conhecia a Deus, pois viu com seus olhos os milagres divinos. Ele já ouvira falar de Deus, mas experimentou seu poder de cura, sentiu o toque suave de suas mãos quando o Senhor o levantou das cinzas.

        O Deus que fez isso na vida de Jó quer fazer o mesmo por nós: descer do céu, nos erguer da cinza e da poeira, restaurar nossa sorte e nos abençoar. Quer que sintamos Seu amor e conforto. Quer que O conheçamos, não que saibamos sobre Ele apenas de ouvir falar. Na tribulação, Deus nos molda. Na prova, sentimos Seu toque gentil enxugando nossas lágrimas. Na aflição, vemos Seu cuidado e preocupação, por vezes, sobrenatural. Na dificuldade, somos envolvidos em Seus braços amorosos, quando Ele nos põe em pé para enfrentar outro dia.

        Desenvolver um relacionamento pessoal conosco é o objetivo de Deus. Os problemas que enfrentamos não são aleatórios. São parte do Seu propósito para nossas vidas, visam nos aproximar dEle. Isso é difícil de ver na hora da dor. Mas, depois, vemos que cada problema nos trouxe a um conhecimento mais íntimo dEle e percebemos quão grande é o Seu amor. Cada dor ensina algo novo sobre Deus e sobre nós mesmos. Aprendemos que, em sua força, podemos escalar montanhas. Descobrimos que, em seus braços, temos paz e alegria em meio à dor. Vemos que, com Ele, nada é impossível. Aprendemos que, em Seu amor, temos tudo que precisamos: “também nos gloriamos nas tribulações, pois sabemos que a tribulação produz perseverança; a perseverança, caráter aprovado; e o caráter aprovado, esperança. E a esperança não decepciona, pois Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito Santo que ele nos concedeu” (Rm 5:3-5)

        É difícil agradecer pelos problemas. Alguns parecem dolorosos demais para suportar e nos levam a pensar se, de fato, Deus vê o que está acontecendo. Mas as aflições nos ajudam a conhecer Deus e servem para Ele mostrar o Seu amor por nós. Isso é difícil de ver no meio da tempestade. É no centro dos nossos problemas que aprendemos a conhecê-lo melhor. O coração de nossas provações é o lugar onde Deus nos mostra o Seu coração. “Ainda que eu passe por angústias, tu me preservas a vida da ira dos meus inimigos; estendes a tua mão direita e me livras. O Senhor cumprirá o seu propósito para comigo!” (Sl 138:7-8a).

        Depois de muito sofrer, Jó viu que passara a conhecer a Deus e tudo lhe foi restituído em dobro. Seus amigos o machucaram com palavras más. Mas quando Jó os viu através dos olhos de Deus, orou por eles. Seu perdão e amor incondicional abriram as comportas da bênção. Conhecer a Deus e conhecer sobre Deus são coisas diferentes. Jó aprendeu isso através da dor. Que digamos como Jó: “Meus ouvidos tinham ouvido falar de ti, mas agora meus olhos te vêem”.

        Uma semana abençoada a todos, crescendo no conhecimento de Deus!

        Aurélia Cezar

Envie esta página a um amigo!

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!