A excelência da boa amizade

13/03/2012 22:23

Leitura: Ec 4: 9 – 11    

 

Introdução: 

  1. A excelência da boa amizade não se vê pela quantidade de amigos, mas pela qualidade deles;

                                                        “Conselhos”   

Pv 18: 24 – O homem que tem muitos amigos sai perdendo, mas há amigo mais chegado do que um irmão.

    •  Busque ser amigo(a) de homens e mulheres e Deus;
    •  dos justos – Pv 12: 26 – O justo serve de guia para o seu companheiro, mas o caminho dos perversos os faz errar.
    •  dos sábios – Pv 13: 20 – Quem anda com os sábios será sábio, mas o companheiro dos insensatos se tornará mau.

                                                                                           

  

  1.      A excelência da boa amizade se percebe nas circunstâncias;

 Pv 17: 17 – Em todo o tempo ama o amigo, e na angústia se faz o irmão;                    

    • Em andar junto em todo o tempo;
    • Em Correr riscos; Ex.: Davi e Jônatas – 1 Sm
    • Em amar incondicionalmente; (pelo que é, e não pelo que pode oferecer).

 

 

  1.     A excelência da boa amizade se firma na sinceridade;

Pv 27: 5 e 6 – Melhor é a repreensão franca do que o amor encoberto. Leais são as feridas feitas pelo que ama, porém os beijos de quem odeia são enganosos.          

    • Em falar a verdade na hora certa;
    • Em aceitar a correção;

 

Cláudio Miguel de Araújo

Pr Igreja Batista Nova Vida

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!