Vivendo em paz em meio aos conflitos

13/03/2012 22:25

Leitura: Jo 14: 27

 

Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.
 

Introdução:

Como é possível ter paz em meio aos conflitos que a vida em momentos nos proporciona? A intranqüilidade, ou seja, a ausência da PAZ real e verdadeira tem sido o gerador de grandes males na humanidade. Quero falar a você que é possível tê-la, pois a paz verdadeira não está no mundo, mas precisa estar dentro de você.
 

No capítulo 14 de João Jesus percebe em seus discípulos:
 

1. Dúvidas;
Tomé responde a Jesus dizendo: Senhor, não sabemos o caminho, vers. 5. Esta pergunta ainda hoje tem sido feita por muitos e gerado conflitos, divergências porque o homem tem procurado a resposta no mundo físico, mas ela é espiritual, tem buscado em fontes erradas e assim, gerado sofrimento, angústia e tristeza. Jesus respondeu a esta dúvida: Eu sou o caminho. Cristo é o caminho que nos leva a ter PAZ.
 

2. Apego as coisas físicas;
Filipe pede a Jesus: mostra-nos o Pai, vers. 7. Na verdade Filipe queria mais, somente uma promessa não seria o suficiente, ele precisava ver, tocar, obter. A humanidade tem andado assim, procurado a PAZ naquilo onde não pode encontrar, buscado satisfazer seus desejos e anseios, e assim, ao invés de encontrar a paz tem encontrado problemas, solidão e tristeza. Busca segurança naquilo que talvez, mais lhe tire a PAZ, nas riquezas terrenas. A verdadeira PAZ não está naquilo que podemos ver ou tocar, pois não é isto que nos traz segurança, mas nAquele que é poderoso para cumprir em mim todas as suas promessas, para esta vida e no porvir. Efésios 3:20 - Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera.
A verdadeira PAZ está só em Jesus.
 

3. Medo;
Não se atemorize foi a palavra de Jesus a eles. O medo pode nos afastar de Deus. Medo do que pensarão de mim, medo de ser perseguido (Pedro nega a Jesus), medo das circunstâncias que nos rodeiam (Pedro andava por sobre o mar, mas quando olhou para o lado e viu as ondas e percebeu os fortes ventos teve medo e afundou). Jesus veio para nos dizer: não tenham medo, tenham PAZ e com fé andem sobre o mar.
 

Conclusão:
Jesus ao olhar para os discípulos encontrou corações atribulados, viu a inquietude deles, ou seja, seus corações estavam cheio de dúvidas, presos as coisas terrenas, cheios de medos. Jesus diz aos seus discípulos: não se turbe, ou seja, tenham PAZ. Jesus sabe que um coração atribulado não pode adorar e nem servir a Deus, pois a ansiedade, o medo e os desejos sufocam a verdadeira adoração. Jesus em continuidade diz aos discípulos: creiam. Confiem nas promessas de Deus a você, confie em Deus e descanse o seu coração, simplesmente ADORE-O, assim você saberá que mesmo em meios aos conflitos que a vida nos proporciona é possível descansar o coração na PAZ que só Jesus pode te dar.
Apelo: 
E em você, ao Jesus olhar para o teu coração Ele vê o que agora? Abra seu coração agora e receba a PAZ que JESUS quer te dar.

Pr Cláudio Miguel de Araujo
Igreja Batista Nova Vida

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!